Por que razão as pessoas sofrem em empregos ruins? E nem se dão ao trabalho de procurar um melhor?

Uma pessoa gasta em média mais de um terço da sua vida no trabalho. Isso é tempo demais quando ela está se sentindo insatisfeita, contestada, mal paga ou desvalorizada no trabalho. Mas, o engraçado é que a maior parte das pessoas aceita tal situação.

Num país como o Brasil, no qual faltam empregos, acabamos aceitando o quadro acima como algo inevitável. E, para muitas pessoas não há mesmo saída: ou elas são muito novas e precisam de “experiência”, ou tem idade acima dos cinquenta, ou tem família para cuidar e não podem se arriscar, ou … Bem, se estes grupos acima forem desconsiderados, ainda sobram milhões de pessoas que preferem sofrer no trabalho a procurar algo melhor.
Por que elas aceitam?
De acordo com uma pesquisa feita em 2018 por um dos maiores sites de busca de emprego nos Estados Unidos, mostrou o seguinte quadro com as razões pelas quais as pessoas preferem sofrer num emprego a ruim a procurar algo melhor:.
Mas, a pesquisa foi mais a fundo e tentou entender as reais razões por trás do que foi mencionado no quadro acima. As respostas foram tabuladas e agrupadas em cinco grandes grupos, que vamos mostrar nos próximos posts, mas por hoje já vamos ficar com o primeiro grupo.

Quais são os medos que impedem as pessoas de procurarem um emprego melhor?

Primeiro grupo: Você acha que deve algo ao seu empregador atual e não quer prejudicá-lo se você for embora.
Para pessoas leais a ideia de desapontar o empregador atual ou deixá-lo de mãos abanando em um período movimentado é aterradora.

A lealdade a um empregador é admirável, mas e quanto à sua lealdade à sua carreira? O maior interessado em sua carreira é você mesmo. Imagine, por um momento, que seu empregador faleceu e ele deixou tudo para o “Junior”. Para o Júnior? Sim, aquele Junior que você conhece muito bem, que não trabalha, que gasta tudo o que tem, sabe-se lá com quem ou com o que. Quanto tempo vai durar seu emprego? Pense nisto.

Então, você não pode deixar que uma pseudo razão como esta atrapalhe sua carreira. Se você perceber que está tendo dificuldades para iniciar sua pesquisa de emprego, talvez seja hora de enfrentar as reais razões existentes. Afinal, tempo é algo que você não recupera nunca mais.
Acompanhe-nos nas próximas edições quanto às outras razões.

Você trabalha demais e não tem tempo para melhorar seu curriculum? Você já pensou no EAD ou Ensino à Distância?


QUER SER AVISADO DE OUTROS CONTEÚDOS COMO ESSE POR E-MAIL? POR FAVOR, INSCREVA-SE ABAIXO.

SOBRE O AUTOR:

Vladimir de Lima

Vladimir , cofundador da MUPE, tem grande experiência nas áreas operacionais e de gestão em empresas de nacionais e multinacionais, conseguindo impactantes reduções de custos de aquisição e de custos com pessoal através da implantação de processos mais racionais. Também é um entusiasta do treinamento através de abordagens práticas de problemas vividos pelas empresas, o que o levou a escrever o livro “Previsão de demanda – o básico que você precisa saber”.


GOSTOU, COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!

Deixe um comentário